Virtudes dos que amam o Senhor

Salmo 84: 1-5

Quão amáveis são os teus tabernáculos, SENHOR dos Exércitos!

A minha alma está desejosa, e desfalece pelos átrios do SENHOR; o meu coração e a minha carne clamam pelo Deus vivo.
Até o pardal encontrou casa, e a andorinha ninho para si, onde ponha seus filhos, até mesmo nos teus altares, SENHOR dos Exércitos, Rei meu e Deus meu.
Bem-aventurados os que habitam em tua casa; louvar-te-ão continuamente. (Selá.)
Bem-aventurado o homem cuja força está em ti, em cujo coração estão os caminhos aplanados.

Virtudes dos que amam o Senhor

Muitas virtudes tem aqueles que amam o Senhor
A maior delas é exatamente amar o Senhor. E ama-Lo sobre todas as coisas.
Mas lendo estes versículos podemos destacar pelo menos seis qualidades daqueles que O amam.
Vejamos então:

A primeira é que amam os tabernáculos do Senhor.
Segundo o dicionário eletrônico Ebenezer, a palavra tabernáculo significa: "Lugar portátil de adoração dos israelitas durante o Êxodo; tinha formato de tenda e era feito de material leve para ser facilmente transportado. Mais tarde, foi substituído pelo templo. (Êxodo 261-37)."
Amar "os tabernáculos" é ter vontade, ter prazer de estar na Casa do Senhor. É zelar pelo templo: sua conservação, manutenção, evitar desperdícios.

A segunda é que necessitam estar com o Senhor.

" O meu coração e a minha carne clamam pelo Deus vivo"
Amar o Senhor é buscar sempre a Sua presença. É assim que a gente age quando está apaixonado por alguém, não é? Quanto mais se amamos a Deus...
Ler e meditar em Sua Palavra, orar, expressar nosso amor, deve ser algo constante na vida do que ama a Deus.

A terceira é que são mais que felizes.
"Bem aventurado" é como define o salmista aquele que ama o Senhor
Nossa alegria não é passageira como ocorre com os que não amam a Deus.
Neles, vemos que a felicidade é passageira: quando ganham ou adquirem um bem, por exemplo eles ficam felizes, mas quando isso deixa de ser novidade a felicidade se vai.
Conosco é diferente. A felicidade é algo constante em nossa vida. Passageiros são os momentos de tristeza e dor. Pois a nossa felicidade não vem de coisas materiais, mas da presença e amor de Deus em nossas vidas.

A quarta é que o Senhor os faz fortes.
Quando depositamos nossa confiança em coisas passageiras, ou mesmos em nossa força, padecemos.
Sempre que Israel confiou em seus caminhos o povo sofreu grandes consequências negativas. "Uns confiam em carros e outros em cavalos, mas nós faremos menção do nome do SENHOR nosso Deus". Salmo 20:7 Esse é o agir do que ama o senhor. Não se fia em sua força, mas tem-na em Deus.

A quinta é aplanam os caminhos.
Não é difícil pra nós que os nossos corações se inclinem pra coisas ruins. Nós somos carne.
Porém, aqueles que amam o Senhor aplanam, ou seja tornam plano, sem ondulações, os caminhos de seu coração.
Só amando o Senhor é teremos caminhos planos em nossos corações, pois mudanças em nossas vidas são geradas por Seu Espírito Santo.

A sexta é que Louvarão o Senhor continuamente.
Deus, em sua Palavra, nos garante que os salvos - aqueles que amam a Deus - O louvaram continuamente.

Que o nosso amor pelo Senhor nunca esfrie, pelo contrário que aqueça e cresça cada vez mais.

Eduardo Leal

Comentários

  1. Oi mano, graça e paz, sempre!

    Passei por aqui para conhecer seu blog.
    Estou seguindo.

    Abraço em Cristo,

    Sandro
    http://oreinoemnos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Belo post, benção!

    Mas na verdade agora não estou passando para opinar sobre a postagem, mas deixar o convite para se possivel dar uma olhada no meu blog, criado recentemente...o blog é novo, e eu conto com sua participação.

    Obrigado pela atenção e muita paz.

    Segue as essências/

    www.verdade87.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Olá Eduardo,

    Nada há para nós melhor que amar ao Senhor.
    Esse é um belo salmo, Davi era um homem segundo o coração de Deus, por isso o louvava!
    Quanto ao tabernáculo, hoje, sabemos que somos nós, porque somos a morado do Espírito Santo, devemos, portanto, zelar pelo corpo. Todos nossos somos as pedras que edificam o Templo do Senhor segundo a pedra angular que é Cristo!
    Fico feliz porque podemos trocar experiências desse tipo: falar da graça que é a expressão do amor de Deus nas nossas vidas.
    Soli Deo Gloria, Ju

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Graça e paz!
Gostando ou não, se quiserem, comentem.